Uma empresa de soluções em gestão, certificação de qualidade, treinamentos e consultoria – presenciais e à distância. Atuamos com visão sistêmica e prática, oferecendo métodos viáveis e pertinentes à realidade das empresas no Brasil.

Últimas Noticias

ExactaAdministração Hospitalar Menos de 1% das Instituições de saúde certificadas!

Menos de 1% das Instituições de saúde certificadas!

O Brasil vive uma triste realidade no quesito qualidade de diversos serviços. Porém, quando se referimos a instituições de saúde certificadas o panorama é ainda mais grave. Posso neste momento ser muito rigoroso, mas acredito que não podemos ser tolerantes quando se trata de instituições que cuidam de nossa saúde ou de nossos entes queridos.

Ao pesquisar o site do CNES (Cadastro Nacional de Saúde) e levando em consideração, como escrevi, o rigor de minha avaliação, pois ao meu ver não importa se a organização é pública ou privada, todas atendem o ser humano, quer seja rico ou pobre. Todos tratam da vida e morte da população brasileira, e o valor da vida não tem classe social, ou se é do SUS, convênio ou particular. A dor de ser ou ver alguém doente esteja ele em uma cidade pobre, atendida pelo SUS ou num grande centro urbano com tratamento particular não muda. A dor é a mesma, apesar da diferença de conforto e tratamento.

Para este cálculo considerei os seguintes dados em relação a quantidade de instituições:

POLICLÍNICA: 7495

HOSPITAL GERAL: 5131

HOSPITAL ESPECIALIZADO: 1029

PRONTO SOCORRO GERAL: 352

PRONTO SOCORRO ESPECIALIZADO: 101

CLINICA/CENTRO DE ESPECIALIDADE: 46236

CENTRO DE PARTO NORMAL – ISOLADO: 20

HOSPITAL/DIA – ISOLADO: 648

CENTRO DE ATENÇÃO HEMOTERAPIA E OU HEMATOLÓGICA: 336

CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL: 2912

TOTAL: 64260;

Fonte: http://cnes2.datasus.gov.br/Mod_Ind_Unidade.asp?VEstado=00; acesso em 12 Jan 18: 11:16;

Aqui foram retiradas outras instituições de saúde como serviços de diagnóstico e de apoio a saúde. Assim obtivemos um número de 64.260 instituições de saúde aptas a se submeterem a um processo de certificação de qualidade. Agora vamos considerar a tabela abaixo:

ONA (Hemoterapia, hospital e PA): 315

ACI: 45

JCI: 37

NIAHO: 3

TOTAL: 400

Fontes:

https://www.dnvgl.com.au/assurance/healthcare/accredited-hospitals.html

Instituições de saúde acreditadas pelo IQG

http://www.cbacred.org.br/acreditacao/

 

Deixamos de lado neste momento as certificações ISO, não por menosprezar sua importância, muito pelo contrário. Mas tendo em vista a possibilidade de escolha de escopo de certificação, escolhemos o modelo de acreditação.

Assim num rápido olhar e fazendo os cálculos percebemos que apenas, isso mesmo, apenas 0,6225%, ou seja, menos de 1% das organizações que cuidam de nossa saúde possuem certificado de qualidade. Triste realidade. Podemos estar sendo muito rigorosos com os números, mas não posso ser flexível ou tolerante com esta situação.

Há necessidade cada vez maior de que as instituições de saúde invistam em qualidade. Não pelo certificado na parede, mas pelo bem maior que é a vida. A vida no sentido mais importante…do ser humano, mas também da vida do negócio.

Investir em certificação de qualidade traz enormes vantagens. Assim teremos maior segurança para os pacientes, menos desperdícios, maior lucratividade, melhor satisfação do cliente interno e externo, dentre inúmeros outros ganhos diretos e indiretos.

Pense nisso quando estiver em um carro, ônibus ou avião que já possuem certificação de qualidade há décadas. E fica a pergunta, quanto vale a qualidade do serviço que cuida de sua vida e de seus familiares? Por que não há investimentos?

 

Celio Luiz Banaszeski
Diretor Executivo da Exacta Consultoria Empresarial
Realizando consultoria de qualidade em todo o Brasil

Sem comentários

Deixe uma resposta